Segurança Alimentar

PIF CAJÚ – Prática de qualidade na cajucultura

A implantação do sistema de produção integrada deve refletir a gestão ambiental das atividades agrárias de forma sustentável, estabelecendo normas que assegurem uma cuidadosa utilização dos recursos naturais minimizando o uso de agroquímicos e insumos na exploração. Para saber como adotar essa prática na cultura do caju, acesse o site do PIF CAJU.

A produção integrada surgiu na Europa, na década de 80, para ser utilizada em fruteiras de clima temperado, visando avançar na redução de agroquímicos obtida pelo uso isolado do manejo integrado das pragas (MIP). A razão para a mudança foi a constatação que o MIP não impunha nas recomendações as práticas de manejo do solo, água, planta, nutrição e doenças, tornando-o um sistema incompleto e insuficiente para atingir metas de sustentabilidade da atividade.

A IOBC (International Organization for Biological Control) definiu esse sistema como “A produção econômica de frutas de alta qualidade, priorizando o uso de métodos ecologicamente seguros que minimizam as aplicações de agroquímicos, e evitando os efeitos secundários negativos desses produtos, o que promove a preservação do meio ambiente e da saúde humana”.

Titi et al. (1995) redefiniram o texto acima, acrescentando o enfoque de sustentabilidade: “A produção integrada é um sistema de exploração agrária que produz alimentos e outros produtos de alta qualidade mediante o uso dos recursos naturais e de mecanismos reguladores para minimizar o uso de insumos e contaminantes e para assegurar uma produção agrária sustentável”.

Baseada nesta definição, a implantação prática do sistema de produção integrada deve refletir a gestão ambiental das atividades agrárias de forma sustentável, estabelecendo normas que assegurem uma cuidadosa utilização dos recursos naturais minimizando o uso de agroquímicos e insumos na exploração, baseada nas normas da série ISO 14001. Também possibilita a aplicação da norma ISO 9001, no que se refere ao acompanhamento da cadeia produtiva e do pós-colheita orientados a produção de produtos agrícolas de qualidade internacional que atendam as necessidades e exigências do consumidor final, propondo assim um conjunto de boas práticas agrícolas a serem estabelecidas em normas e procedimentos àqueles que se propuserem a utilizá-las no campo.

Fonte:Site do PIF CAJU – no Portal da Embrapa

Copyright © 2017 Sindicaju : Ceará .
Av. Barão de Studart, 2360 - 4º andar - salas 404/405 - 60.120-0020
Telefones: [85] 3246 7062 / [85] 3426 0497
Fale conosco: sindicaju@sindicaju.org.br

TI/SFIEC